Morrowind:36 Lessons of Vivec, Sermon 32

A UESPWiki – Sua fonte de The Elder Scrolls desde 1995
MW-icon-book-Book3.png
Informações do Livro
ID BookSkill_Block5
Veja também Versão da Lore
Anterior Sermon 31 Próximo Sermon 33
Value 200 Weight 3.0
Skill Block
Localizações
Encontrado nos seguintes lugares:
Livro 32 de uma série de palavras de conhecimento relacionadas à Vivec


A Escritura da Maça, Primeiro:

'O prazer da aniquilação é o prazer de desaparecer no irreal. Todos aqueles que desafiarão o mundo dormente vão buscar associação nesse movimento. Eu denuncio a alienação da Dualidade Rachada com um martelo.'

Segundo:

'Tome de mim as lições como punição por ser mortal. Ser feito de terra é ser tratado assim pelos seus carcereiros. Essa é a chave e a fechadura dos Daedra. Por que acha que eles escaparam do compromisso?'

Terceiro:

'Velothi, sua pele se tornou a escuridão grávida. Meu cisma trouxe isso. Lembrem-se que Boethiah pediu para vocês se tornarem da cor da contusão. De que outra forma mostrar a si mesmos as pessoas do êxodo para o vital: a dor?'

Quarto:

'O sábio que não é uma bigorna: Uma sentença comum e nada mais. Com isso eu quero dizer morta, o quarto meio de se andar.'

Quinto:

'Uma compreensão adequada das virtudes: etapa dirigida e para ser assassinada.'

Sexto:

'No final, alegre-se como um refém libertado do tormento de tambores mas que saboreia sua ferida. O tambor para e você descobre que é um ninho de vespas, o que quer dizer: seu sonho acabou.'

Sétimo:

'O suspeito é espetáculo e a mentira é apenas inspiração teórica.'

Oitavo:

'Mas por que, você pergunta, os Daedra desejariam se misturar com Aurbis? É por que eles são críticos radicais, essenciais como todos mártires. Alguns serem mais malvados que outros não é ilusão. Ou melhor, é uma ilusão necessária.’

O fim das palavras é ALMSIVI.